• 0 Items - 0,00
    • Carrinho vazio.

Amor, paixão, alegria, compaixão, medo, esperança, histórias reais ou a magia da pura imaginação são os ingredientes principais desta chancela de ficção de entretenimento que dá voz a autores estrangeiros e portugueses.

Amor, paixão, alegria, compaixão, medo, esperança, histórias reais ou a magia da pura imaginação são os ingredientes principais desta chancela de ficção de entretenimento que dá voz a autores estrangeiros e portugueses.

show blocks helper

Plano Nacional de Leitura

Géneros

Chancela

Coleção

Filtrar por preço

O Menino, a Toupeira, a Raposa e o Cavalo

16,92

Mais de 1.5 milhões de exemplares vendidos

1 ano nos tops de vendas de UK e US

Bestseller de #1 AMAZON, #1 SUNDAY TIMES, #1 NEW YORK TIMES , WALL STREET JOURNAL e USA TODAY

Livro do ano de Waterstones e Barnes & Noble

Uma história universal e inspiradora

para leitores de todas as idades.

Vida de Adulta

12,95

A Quica é uma rapariga normal que todos os dias apanha um autocarro e o metro para ir para um emprego que a aborrece. Acontecem-lhe toda a espécie de aventuras normais – mas hilariantes – nesse percurso casa/trabalho, bem como em todos os aspectos da vida. A Quica somos todos nós, mas com muito mais graça. E dilemas.

Hipnose

15,93

Uma cidade onde tudo era possível

Um hipnotizador ao serviço do Governo

Uma entrevista que provocou uma guerra

A Espera de Fernanda

14,31

Uma morte misteriosa e uma conspiração. Uma mãe desesperada que começa uma investigação por conta própria, contra tudo e todos, até o Estado. Baseado numa história real, este é o primeiro livro da jornalista Maria Cláudia Rodrigues.

O Anjo de Munique

16,92

O thriller histórico do ano

Que esconde a morte de Angela Raubal,

sobrinha de Hitler e o seu único verdadeiro amor?

No contexto de uma república agonizante de Weimar, na qual se sentem todos os presságios da tragédia nazi, O anjo de Munique é um thriller num equilíbrio milagroso entre uma realidade histórica irrefutável e uma ficção fascinante. Uma viagem em busca de uma verdade, capaz, talvez, de restaurar a dignidade da primeira verdadeira vítima da propaganda nazi: a jovem e inocente Geli Raubal.

1794

17,91

Finalista do Prémio Storytel para Melhor Romance (Suécia)

Finalmente! Depois de 1793, a aguardada continuação do premiado autor e fenómeno editorial internacional. Niklas Natt och Dag criou um novo género que seduz os leitores e a crítica de todo o mundo.

A cidade das mulheres

18,81

Bestseller n.º 1 do The New York Times

A brilhante autora de Comer, Orar, Amar

volta com uma história de amor única,

cheia de glamour, humor e paixão pela vida.

«De qualquer maneira, há uma altura

em que uma mulher simplesmente se cansa de passar a vida envergonhada.

Depois disso, é livre de se tornar quem realmente é.»

O grande pagode

14,85

Quando um país está à venda, uma vida pouco vale.

Uma nova investigação de Marcelo Silva.

«O livro do Miguel Szymanski é um delicioso “noir”(#). E Marcelo Silva pede meças ao Pepe Carvalho, do saudoso Manuel Vasquez Montalbán.» Eduardo Dâmaso

O dia em que perdemos o amor

16,92

«Javier Castillo é, sem dúvida, o novo fenómeno da literatura europeia.»

Joël Dicker

Depois do sucesso internacional de “O dia em que perdemos a cordura”

Javier Castillo regressa com um thriller que explora os limites do amor.

«Eram dez da manhã do dia 14 de Dezembro. Um pé descalço pisou o asfalto de Nova

Iorque e uma sombra feminina desenhou-se à sua frente. O outro pé pousou com cuidado,

tocando no chão com os seus finos dedos cheios de sujidade. Estava nua, com a pele

pálida, as pernas e os pés enegrecidos e o seu comprido cabelo castanho a dançar ao som dos do trânsito. A cintura bamboleava suavemente de um lado para o outro a cada passo que dava; andava devagar, como se não quisesse fazer barulho. A rapariga atravessava a estrada enquanto os veículos lhe tocavam levemente, fazendo o seu coração vibrar.

Parou um segundo a meio da faixa central e observou um autocarro dar uma guinada

para se desviar dela no último momento.»

O pintor de almas

21,15

Depois de mais de 10 milhões de exemplares vendidos,

o autor de A CATEDRAL DO MAR e OS HERDEIROS DA TERRA

regressa com um romance fascinante.

NO DEALBAR DO SÉCULO XX, BARCELONA COMEÇOU A MUDAR. ENQUANTO O MODERNISMO ADORNAVA AS RUAS MAIS OPULENTAS, NOS BAIRROS POBRES, OS TRABALHADORES LUTAVAM PELOS SEUS DIREITOS E POR UMA SOCIEDADE MAIS JUSTA.

Este romance extraordinário, que recria magistralmente alguns anos apaixonantes, marcados pela tensão social e o anticlericalismo, numa cidade capaz de se rebelar contra o poder da tradição, conta-nos a história de Dalmau Sala, um jovem pintor que ficará preso entre a sua paixão pela arte e o amor de uma mulher bonita e combativa.

A reclusa

16,92

Livro recomendado por

New York Post *Vanity Fair * BBC

Hipnótico, explosivo e obsessivo

Carregado de acção e inteligente, A reclusa é uma reflexão íntima e emocionante sobre a liberdade e o risco, o poder masculino e feminino e os desejos de corrupção e redenção que habitam em todos nós.

O Prazer

16,92

“María Hesse é um daqueles novos diamantes em bruto da ilustração.”

Harper´s Bazaar

Da mesma autora de Frida Kahlo – uma biografia

A última carta

17,01

A aguardada sequela do fenómeno romântico mundial P. S. Eu amo-te (mais de 1 milhão de exemplares vendidos)

Quando o amor é eterno, há sempre algo mais para dizer

P.S. Eu Amo-te

17,01

Mais de 1 milhão de cópias vendidas

Mais de 57 000 livros vendidos em Portugal

Um clássico que cativou o coração de milhares de portugueses

Uma Família Quase Normal

17,91

Thriller recomendado pelo The New York Times

Mais de 150 000 exemplares vendidos só na Suécia

4 edições e 9 semanas consecutivas no top de vendas na Alemanha

A Fé de um pai. A fidelidade de uma filha. A ética de uma mãe.

A perturbadora acusação de assassinato que põe à prova Uma família quase normal.

Até onde seria capaz de ir se a sua filha fosse acusada de assassinato?

Zé Pedro

16,92

A vida, a alegria, rebeldia e carreira de Zé Pedro, um dos mais importantes nomes do rock português.

Da chegada a Lisboa vindo de Timor com apenas quatro anos, à formação dos Xutos&Pontapés, passando por todas as histórias e aventuras de mais de 30 anos de carreira, tudo reunido num livro especial.

Bowie

16,92

NÃO SOU FIEL A NENHUM ESTILO. ESCOLHEREI SIMPLESMENTE

AQUELE QUE ME PERMITA TRANSMITIR O QUE QUERO NAQUELE MOMENTO.

Os herdeiros da terra

13,05

A esperada continuação de A catedral do mar.

Uma história de traição, amor, poder e vingança que apaixonou 6 milhões de leitores.

Dez anos depois de A catedral do mar, Ildefonso Falcones regressa a esse mundo que tão bem conhece, a Barcelona medieval. E fá-lo de forma magistral, numa obra que recria na perfeição a efervescente sociedade feudal, submissa a uma aristocracia volúvel e corrupta, ao mesmo tempo que narra a luta de um homem para sobreviver sem sacrificar a sua dignidade.

1793

16,92

Prémio Livro do Ano (Suécia)

Prémio da Academia Sueca de Escritores de Crime (Suécia)

Prémio para melhor romance Storytel Awards (Suécia)

Prémio Crimetime Specsavers (Suécia)

Finalista do CWA Ian Fleming Steel Dagger (Reino Unido)

Finalista do Golden Bullet Award (Noruega)

Finalista LiveLib Reader´s choice Awards (Rússia)

No seu romance de estreia, 1793, Niklas Natt och Dag pinta um retrato convincente do final do século XVIII em Estocolmo. Através dos olhos dos diferentes narradores, o verniz em pó e a pintura da época são retirados para revelar a realidade assustadora, mas fascinante, escondida além dos factos secos dos textos de História. Com um pé firmemente cravado na tradição literária e outro na literatura de suspense, Natt och Dag cria um género inteiramente novo de thriller histórico sugestivo e realista.

O Carrasco

17,91

Ele mexe as cordas e vê-os morrer.

Um thriller vertiginoso onde o assassinato é uma obra de arte.

Passaram-se dezoito meses, mas as cicatrizes deixadas pelos assassínios da Boneca de Trapos ainda não sararam.