• Em promoção!
MISCELÂNEA DE FACTOS ESSENCIAIS E...

MISCELÂNEA DE FACTOS ESSENCIAIS E CURIOSIDADES INÚTEIS DO SENHOR LUBBOCK

OBJECTIVA , Novembro 2018

Já chegou o Almanaque que reúne um somatório de factos de todas as áreas do conhecimento, assim como um imprescindível sortido de quebra-gelos e desbloqueadores de conversa.

A bóia de salvação que faltava para todos aqueles momentos constrangedores.

Sabia que o oxigénio que agora inspira já passou pelos pulmões de Napoleão e de Genghis Khan? E que a água que bebeu há pouco conheceu os rins de Jesus Cristo? Ou que a astrologia continua a basear-se na localização de corpos celestes, apesar de o universo estar em expansão? A penicilina foi descoberta por acaso, tal como o Viagra. E o... Ler mais

Sabia que o oxigénio que agora inspira já passou pelos pulmões de Napoleão e de Genghis Khan? E que a água que bebeu há pouco conheceu os rins de Jesus Cristo?

Ou que a astrologia continua a basear-se na localização de corpos celestes, apesar de o universo estar em expansão? A penicilina foi descoberta por acaso, tal como o Viagra. E o post it só existe porque uma tentativa de aproveitamento de cola acabou por se revelar um falhanço (e porque já todos merecíamos esta folga na nossa vida). Newton achou que inventar o cálculo era importante, mas não mais do que estudar a fundo essa ciência eminente que era a alquimia. Será por estas e por outras que o nosso cérebro preenche, a todo o custo, os vazios de memória com imagens falsas e factos que nunca o foram. Por falar em fake news, podemos parar de discutir se Colombo era português ou espanhol, pois os primeiros a chegar ao continente americano foram os viquingues.

13.8 mil milhões de anos após o big bang e 3.8 mil milhões de anos após a formação da Terra, muita água passou debaixo da ponte (mesmo quando ainda nem existiam pontes), e não faltam histórias, com maiúscula ou não, para contar.Conhecimentos irrelevantes. Histórias tão bizarras que parecem ficção. Factos divertidos sobre tudo o que nos rodeia. Basta olhar à volta para dar de caras com uma boa excentricidade ou com um local onde, garantimos, já se terá dado um insólito, uma coincidência, um equívoco.

Não prometemos a solução para todos os males, mas a leitura de algumas páginas desta Miscelânea por dia, mesmo que aleatoriamente, poderão fazer de si o polímata que faltava para desbravar aqueles silêncios constrangedores com factos essenciais e curiosidades inúteis!

Ler menos
Colecção
OBJECTIVA
Páginas
144
Idade recomendada
Adultos
Formato
Capa dura
Idioma
PT
Data de publicação
2018-11-01
Autor
Paulo Ferreira
Editora
OBJECTIVA
Colecção
OBJECTIVA
Páginas
144
Idade recomendada
Adultos
Formato
Capa dura
Idioma
PT
Data de publicação
2018-11-01
Autor
Paulo Ferreira
Editora
OBJECTIVA
9789896656614
2018-11-01
Não há opiniões
Paulo Ferreira
Paulo Ferreira
Ver mais
Paulo Ferreira nasceu em Lisboa, em 1980. Trabalha como consultor, agente literário e curador de diversos festivais literários. Colaborou com diversas publicações portuguesas e é professor convidado em várias... Ler mais

Paulo Ferreira nasceu em Lisboa, em 1980. Trabalha como consultor, agente literário e curador de diversos festivais literários. Colaborou com diversas publicações portuguesas e é professor convidado em várias universidades, participando regularmente em colóquios e seminários dedicados à edição de livros, como orador, em Portugal e no estrangeiro. Em 2011 publicou o romance de estreia, Onde a vida se perde. Este é a sua primeira Miscelânea.

Ler menos
Ver mais
Subscreva a nossa newsletter de novidades editoriais

Actualidad

Artigos relacionados com este livro

Opiniões

Opiniões

Não há opiniões
Artigo adicionado à wishlist