APROVEITE ATÉ 30 DE SETEMBRO – PORTES GRÁTIS PARA PORTUGAL

(não acumulável com outras promoções)

APROVEITE ATÉ 30 DE SETEMBRO – PORTES GRÁTIS PARA PORTUGAL (não acumulável com outras promoções)

 

  • 0 Items - 0,00
    • Carrinho vazio.

Shop

20,25

Preço fixo até 31/12/2018 (?)

Preço livre (?)

A forma das ruínas

PRÉMIO CORRENTES D´ESCRITAS - CASINO DA PÓVOA

*

FINALISTA DO MAN BOOKER INTERNATIONAL PRIZE

Em stock

Também disponível em EBOOK nas seguintes lojas:

pgn_btn_4
pgn_btn_3
pgn_btn_5
pgn_btn_1b

Caraterísticas

Chancela

ISBN 9789896651787

Data de publicação Janeiro de 2017

Páginas 576

Dimensões 150x235mm

Género Ficção, Literatura

Partilhar

«Da última vez que o vi, Carlos Carballo estava a entrar laboriosamente numa carrinha da Polícia, as mãos algemadas atrás das costas e a cabeça afundada entre os ombros, enquanto uma legenda na parte de baixo do ecrã informava as razões da sua detenção: ter tentado roubar o fato de um político assassinado.»

Bogotá, Colômbia, 2014: Carlos Carballo é detido por tentar roubar de um museu o traje de Jorge Eleiécer Gaitán, líder político assassinado em Bogotá em 1948, em plena guerra do Estado colombiano com os narcotraficantes.

Carballo é um homem atormentado, em busca de sinais que lhe permitam destrinçar os mistérios de um passado pelo qual está obcecado. No entanto, ninguém, nem as pessoas que lhe são mais próximas, suspeita das verdadeiras razões da sua obsessão.

O que liga o assassinato de Gaitán, cuja morte partiu em dois a história da Colômbia, e o homicídio do presidente americano John F. Kennedy? Como pode um crime ocorrido em 1914 marcar a vida de um homem no século XXI? Para Carballo, não existem coincidências e todos estes eventos estão intimamente relacionados.

Depois de um encontro fortuito com este homem misterioso, Vásquez (sim, o próprio Juan Gabriel Vásquez, que aqui deixa cair a máscara) sente-se compelido a esmiuçar os segredos de uma vida alheia, ao mesmo tempo que se debate com os momentos mais obscuros do passado colombiano.

Uma leitura compulsiva e uma indagação magistral às verdades incertas de um país que ainda mal se conhece a si mesmo.

Sobre A forma das ruínas:

«Um grande romance, sem dúvida o melhor de Juan Gabriel Vásquez. Uma narrativa vibrante, em que se entrelaçam a investigação policial, o ensaio político, o romance-história e a autobiografia romanceada. Nem mais nem menos.»

Huffington Post

«A investigação é absolutamente hipnótica, um exemplo maior de narrativa tensa, ágil e inteligente.» El Cultural de El Mundo

«Um romance maduro, lúcido e belo.» El Espectador

«Vásquez não só é brilhante na análise dos grandes temas da História como acerta na utilização dos elementos autobiográficos.» Artes & Letras

«Graças a uma estratégia de mistura de realidade e ficção, o próprio Vásquez inventa-se a si mesmo como narrador e, de certo modo, como investigador destes crimes.» El Periódico de Catalunya

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “A forma das ruínas”

O seu endereço de email não será publicado.

Relacionados