• 0 Items - 0,00
    • Carrinho vazio.

Shop

15,21

Preço fixo até 29/02/2020 (?)

Preço livre (?)

Tudo é possível

Da autora de O meu nome é Lucy Barton e Olive Kitteridge, vencedora do Pulitzer Prize e finalista do Booker Prize.

Um retrato comovente e subtil das debilidades e paixões humanas, pela mão de uma das mais destacadas autoras americanas.

Um dos melhores livros do ano:
The New York Times * The Guardian

Em stock

Também disponível em EBOOK nas seguintes lojas:

pgn_btn_4
pgn_btn_2
pgn_btn_3
pgn_btn_5
pgn_btn_1b

Caraterísticas

Chancela

Autor(a) Elizabeth Strout

ISBN 9789896655020

Data de publicação Março de 2018

Edição atual 3.ª

Páginas 240

Dimensões 150x235mm

Género Ficção, Literatura

Partilhar

Lucy Barton, uma famosa escritora, volta à cidade da sua infância, em pleno Midwest americano. Na livraria local estão expostos exemplares do seu último livro, que todos os habitantes da pequena cidade querem comprar. Por inveja, curiosidade ou saudade.

O seu inesperado regresso faz brotar uma série de histórias daqueles que a conheceram em menina: testemunhos de nostalgia, de condescendência ou de repúdio, recordações agridoces.

Volvidos dezassete anos, o seu regresso ao lugar da infância é também, necessariamente, um reencontro com o passado; com a irmã Vicky, tão pronta a recriminar; e com o irmão Pete, um homem-menino carregando ainda o peso da infância de frio, fome e medo.

Depois do sucesso de O meu nome é Lucy Barton, Elizabeth Strout regressa com um mosaico delicado da vida de todos os dias, um retrato íntimo das pessoas comuns que tentam entender-se e entender os outros, esforçando-se por ultrapassar o sempre crescente abismo entre o desejar e o ter. Lançando um olhar sobre as ambiguidades e ambivalências da alma humana, Tudo é possível é um hino à sensibilidade e à compaixão.

Os elogios da crítica:

«Ecos de Steinbeck e Tolstoi... Strout é uma observadora brilhante da ambiguidade e delicadeza da condição humana. Tudo é possível é um romance sábio e poderoso. Se há um tema que une estas histórias, é o desejo de ser compreendido - talvez o mais humano dos desejos.» The Guardian

«Este livro mostra Strout naquilo que ela faz melhor do que qualquer outro autor, que é traçar retratos subtis dos azares e desilusões da vida normal, e dos momentos de alegria e afecto que recebemos em troca... Strout acerta em cheio mais uma vez.» The Washington Post

«Quando Elizabeth Strout está em forma, existe alguém melhor do que ela? Este é um livro generoso e inteligente sobre a vida de todos os dias. A autora entra tão fundo dentro das personagens que parece que vivemos dentro delas... É um livro que merece o título.» USA Today

«Uma extraordinária análise das ambiguidades e dualidades do ser humano. Esta autora está cada vez melhor.» Kirkus

«A prosa de Strout faz avançar a narrativa com momentos de clarividência extraordinariamente poéticos.» The New Yorker

«Um olhar doloroso sobre os cantos mais obscuros da alma... Com compaixão, firmeza e enorme elegância, as suas palavras e personagens relembram-nos que, de facto, na vida tudo é possível.» San Francisco Chronicle

«Com este livro, Strout atinge um patamar ainda mais incrível na arte de contar uma história.» Publisher´s Weekly

«Um livro que confirma Strout como uma das autoras americanas mais elegantes e talentosas.» The Boston Globe

«Extraordinário. Strout, que sempre foi excelente, está cada vez melhor.» Vogue

«Strout penetra nos mecanismos interiores destas personagens e dos seus comportamentos, iluminando os conflitos emocionais e o puro prazer de ser humano...» NYLON

«Inteligente e cheio de alma.» Elle

«É um prazer ler uma mestre da literatura a fazer aquilo que faz melhor.» Marie Claire

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “Tudo é possível”

O seu endereço de email não será publicado.

Relacionados