12,55 

Ensina-me a voar sobre os telhados (Livro de Bolso)

De um dos mais destacados autores portugueses, uma narrativa que atravessa séculos e continentes, entre Lisboa e o Japão, com um mistério de família no seu centro.

Uma história de amor, perdão e superação, que é também uma elegia à beleza imperfeita da vida.

1305 em stock

Também disponível em EBOOK:

Características

Autor(a) João Tordo

ISBN 9789897840654
Data de publicação Junho de 2020
Edição atual 3.ª
Páginas 488
Apresentação capa dura
Dimensões 125x200mm
Idade recomendada Adultos
Partilhar:
Descrição

Japão, 1917. Por desonrar o nome da família, o jovem Katsuro é exilado pelo seu próprio pai, um poderoso governador, num ilhéu inóspito.

Abandonado, o rapaz irá deparar-se com o terrível segredo da família Tsukuda, enquanto luta para sobreviver à fome, à sede e à culpa.

Lisboa, cem anos depois. No Liceu Camões, um dos mais antigos da cidade, um professor de Geografia suicida-se numa sala de aula. O nosso narrador, funcionário do liceu e alcoólico em recuperação, decide inaugurar uma reunião semanal para ajudar os colegas a superar o choque.

Numa noite de Inverno, um misterioso desconhecido aparece no encontro. É japonês e chama-se Tsukuda. O seu estranho comportamento desperta no narrador um fascínio doentio. Ambos são perseguidos pelo passado, ambos desejam o impossível.

Algures entre o sonho e a mais pura realidade, Ensina-me a voar sobre os telhados é uma narrativa em que um pai e um filho aprendem a amar-se, é um espaço onde se procura aceitar dores antigas e abraçar a fragilidade humana. Um romance que é uma elegia à beleza imperfeita da vida.

Sobre a trilogia dos lugares sem nome:


«Comecemos pelo essencial. Esta trilogia, assinada por João Tordo, está entre o melhor que a literatura portuguesa nos ofereceu nos últimos vinte ou trinta anos.»
Deus me Livro

«Um romance que se abre em escuridão e labareda, para que nos vejamos ao espelho.»
José Tolentino Mendonça (sobre O luto de Elias Gro)

«Tordo não dá respostas. Alimenta cuidadosamente a ambiguidade, o paradoxo, como se fizessem parte de um silêncio cujo mistério não quer desvendar. (…) Um sólido trabalho de linguagem.»
Isabel Lucas, Público (sobre O paraíso segundo Lars D.)

«Um romance extraordinário, que se lê à transparência de um talento mais do que confirmado, porventura único entre nós, na primeira linha das vozes literárias da geração a que pertence.»
João de Melo(sobre O deslumbre de Cecilia Fluss, terceiro livro da trilogia)

Sobre a obra de João Tordo:


«João Tordo tem uma capacidade enorme de efabulação que não se encontra facilmente.»
José Saramago

«Um dos maiores talentos literários de Portugal. (…) A sua formação reflecte-se nas suas obras: tal como Gonçalo M. Tavares, a escrita, para Tordo, significa explorar questões existenciais.»
Darmstädter Echo, Alemanha

«Tal como o Nobel José Saramago, João Tordo põe em questão, com o seu talento, a crença numa identidade própria, à qual nós, os humanos, estamos apegados.»
Le Monde, França

«Um grande romancista que nos redime do horror, como os grandes mestres, pela força misteriosa da escrita.»
António-Pedro Vasconcelos, Sol

«O novo romance do século XXI em Portugal.»
João Céu e Silva, Diário de Notícias

Do mesmo autor

17,50 

A mulher que correu atrás do vento

12,56 

As três vidas (Livro de Bolso)

17,50 

As três vidas

11,65 

Manual de sobrevivência de um escritor

12,56 

Águas passadas (Livro de Bolso)

14,94 

O livro dos homens sem luz

15,71 

Naufrágio

16,60 

O luto de Elias Gro (Trilogia dos Lugares Sem Nome 1)

19,75 

Águas passadas

11,65 

Biografia involuntária dos amantes (Livro de Bolso)

Outras sugestões

13,61 

Deus Pátria Família

17,96 

A mulher mais bonita da cidade

21,55 

Não mais amores

14,98 

O vício dos livros

14,38 

Pedro Páramo

14,35 

Um Pouco de Cinza e Glória

Artigos relacionados com o autor