APROVEITE ATÉ 31 DE AGOSTO – PORTES GRÁTIS PARA PORTUGAL

APROVEITE ATÉ 31 DE AGOSTO – PORTES GRÁTIS PARA PORTUGAL

  • 0 Items - 0,00
    • Carrinho vazio.

Shop

15,71

Preço fixo até 31/05/2020 (?)

Preço livre (?)

O luto de Elias Gro

Autor vencedor do Prémio Literário José Saramago.

O luto de Elias Gro é o romance mais atmosférico e intimista de João Tordo, um mergulho na alma humana, no que ela tem de mais obscuro e luminoso.

Em stock

Também disponível em EBOOK nas seguintes lojas:

pgn_btn_4
pgn_btn_3
pgn_btn_5
pgn_btn_1b

Caraterísticas

Autor(a) João Tordo

ISBN 9789898775337

Data de publicação Junho de 2018

Páginas 328

Dimensões 145x230mm

Género Ficção, Literatura

Partilhar

Numa pequena ilha perdida no Atlântico, um homem procura a solidão e o esquecimento, mas acaba por encontrar muito mais.

A ilha alberga criaturas singulares: um padre sonhador, de nome Elias Gro; uma menina de onze anos perita em anatomia; Alma, uma senhora com um coração maior do que a ilha; Norbért, um velho louco que tem por hábito vaguear na noite; e o fantasma de um escritor, cuja casa foi engolida pelo mar.

O narrador, lacerado pelo passado, luta com os seus demónios no local que escolheu para se isolar: um farol abandonado, à mercê dos caprichos da Natureza - e dos outros habitantes da ilha. Com o vagar com que mudam as estações, o homem vai, passo a passo, emergindo do seu esconderijo, fazendo o seu luto e descobrindo, numa travessia de alegria e dor, a medida certa do amor.

Os elogios da crítica:

«O luto de Elias Gro há-de guardar lugar próprio e intransmissível entre as melhores obras da Literatura Portuguesa contemporânea.» João Gobern, Jornal de Letras

«Um retrato íntimo da mortalidade.» Isabel Lucas, Público

«O melhor romance de Tordo.» José Mário Silva, Expresso

Sobre a obra de João Tordo: «Temos escritor.» Pilar del Río

«O Prémio José Saramago merece este criador. E João Tordo faz jus pleno a um prémio que leva a notável chancela Saramago.» Nelida Piñon

«Uma das melhores vozes da ficção portuguesa.» Francisco José Viegas, Correio da Manhã

«Um grande romancista que nos redime do horror, como os grandes mestres, pela força misteriosa da escrita.» António Pedro Vasconcelos, Sol

«[Biografia involuntária dos amantes tem] um absolutamente inolvidável quarteto de personagens criadas por João Tordo, que desafiará durante muito tempo a imaginação dos futuros escritores portugueses.» Miguel Real, Jornal de Letras

«[Biografia involuntária dos amantes] é um livro desmesuradamente inteligente que testa os limites da verosimilhança entre a vida e a literatura.» Rui Lagartinho, Time Out

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “O luto de Elias Gro”

O seu endereço de email não será publicado.

Relacionados