13,41 

A mãe eterna

Um livro forte, uma reflexão gritante de tão actual, A mãe eterna apresenta-nos um dilema que mói a alma e nos faz questionar a vida, a morte e a relação mãe-filha.

«A tua vida está num impasse e, consequentemente, a minha também.

Para escapar, escrevo-te, ou melhor, escrevo à mãe que tive, a que era capaz de me ouvir e de me acalentar, a mãe que perdi.»

234 em stock

Características

Chancela Objectiva

Autor(a) Betty Milan

ISBN 9789896651992
Data de publicação Março de 2017
Páginas 128
Dimensões 150x240x12mm

Coleção Objectiva

Idade recomendada Adultos
Partilhar:
Descrição

A filha está cansada de ver a mãe definhar, esgotada. Aos 98 anos, com a saúde debilitada, a mãe mal ouve e quase não vê. A filha, que se vê no papel de mãe da própria mãe, questiona os médicos, as religiões, tudo. Para quê manter vivo alguém que já não vive? Num relato comovente, em forma de diário, a filha descreve as peripécias do dia-a-dia com a mãe; ao mesmo tempo, este diário é um escape, um desabafo e um apelo à mãe a mãe imaginária, a que tinha e já não tem, a que lhe lia, que a escutava e acalentava. A mãe que fazia o papel de mãe.

Sobre A mãe eterna:

«Um relato espantoso que narra a passagem de filha para mãe da mãe.»

Fernanda Torres

Do mesmo autor
Nenhum resultado encontrado.
Outras sugestões

17,99 

Estados Desunidos da América: A Ascensão do Populismo

18,89 

Como Funciona a Google

13,99 

Dar e Receber: Uma Abordagem revolucionária Sobre Sucesso, Generosidade e Influência

17,96 

Sem Filhos

17,96 

Negocie Como se a Sua Vida Dependesse Disso: As Técnicas de Negociação de Reféns do FBI Aplicadas aos Negócios e à Vida

14,38 

Cavaco Versus Cavaco

Artigos relacionados com o autor
Nenhum resultado encontrado.