PORTES GRÁTIS PARA PORTUGAL CONTINENTAL

(em compras superiores a 15€)

PORTES GRÁTIS PARA PORTUGAL CONTINENTAL (em compras superiores a 15€)

  • 0 Items - 0,00
    • Carrinho vazio.

Shop

18,86

Preço fixo até 30/04/2023 (?)

Preço livre (?)

O país dos outros

Da aclamada autora franco-marroquina Leïla Slimani, uma atmosférica e inquietante saga familiar que põe em relevo uma mulher enredada entre duas culturas, dividida entre a dedicação à família e o amor à liberdade com que cresceu.

GRAND PRIX DE L´HÉROÏNE MADAME FIGARO

Em stock

Também disponível em EBOOK nas seguintes lojas:

pgn_btn_4
pgn_btn_2
pgn_btn_3
pgn_btn_5
pgn_btn_1b

Caraterísticas

Chancela

Autor(a) Leïla Slimani

ISBN 9789897840043

Data de publicação Maio de 2021

Edição atual 5.ª

Páginas 344

Apresentação capa mole

Dimensões 150x235x22mm

Género Ficção, Literatura

Partilhar

Em 1944, Mathilde, uma jovem alsaciana, apaixona-se por Amine, um oficial marroquino que combate no exército francês durante a Segunda Guerra Mundial. Terminada a guerra, o casal muda-se para Marrocos e instala-se perto de Meknés. Amine dedica-se a recuperar a quinta herdada do pai, tentando arrancar frutos de uma terra pedregosa e estéril. Enquanto isso, Mathilde começa a sentir o jugo dos costumes conservadores do novo país, tão sufocante quanto o seu clima. Nem a maternidade apaga a solidão que sente no campo, longe de tudo, num lugar que não é o seu e a verá sempre como estrangeira.

A par e passo do drama familiar, ribombam a tensão e a violência que desembocarão, em 1956, na independência de Marrocos, país onde todos parecem viver no “país dos outros” e onde as mulheres, cercadas no país dos homens, têm de lutar a cada novo dia por um lugar, por uma voz. No centro do fogo cruzado de um país em plena transformação, Mathilde e Amine enfrentam o drama da ruptura dentro da própria família.

Depois do sucesso de Canção doce, que arrecadou o Prémio Goncourt e conquistou mais de um milhão de leitores em cinquenta países, Leïla Slimani confirma a sua impressionante capacidade narrativa e compreensão da alma humana nesta saga familiar tão devastadora quanto verdadeira, inspirada na história da sua avó.

 

Os elogios da crítica:

«Leïla Slimani é um dos novos portentos da literatura em todo o mundo e dizê-lo é repeti-lo. O país dos outros confirma a autora franco-marroquina como uma das vozes mais fortes, sagazes, inteligentes, capazes e talentosas da literatura contemporânea.» — Ana Bárbara Pedrosa, Observador

«Slimani é excelente a identificar a verdade oculta dos sentimentos e os múltiplos compromissos a que uma cultura repressiva obriga as pessoas, em particular as mulheres. O País dos Outros é um romance sobre temas interessantes, escrito com inteligência e talento.» — Luís M. Faria, Expresso

«Leïla Slimani mostra-se uma virtuosa contadora de histórias. A condição social das mulheres, os abismos da alma humana, as fraquezas e as contradições da sociedade, são os seus temas favoritos. A que juntou agora o colonialismo.» — José Riço Direitinho, Público

«Leïla Slimani tornou-se numa das principais vozes da literatura mundial. O país dos outros leva-nos até Marrocos, trata mestiçagem e colonialismo, num incrível drama familiar.» — Tiago Manaia, Máxima

«Uma das melhores autoras de hoje. Uma história de amor, exclusão e compromisso.» — Francisco José Viegas, Correio da Manhã

«O mundo deste romance - Marrocos depois da Segunda Guerra Mundial, e a luta pela libertação do colonialismo francês - está magistralmente criado. A vida pessoal, a vida social, a vida de todos os dias saltam da página, plenos de vivacidade, e sentimos as dores da família apanhada no meio do conflito da História. Um romance excepcional e poderoso, de uma escritora justamente aclamada.» — Salman Rushdie

«Um verdadeiro triunfo.» —  Le Monde

«Um romance fascinante e muitas vezes comovente, uma combinação de ficção e memórias, que mostra uma mulher a lutar pela sua independência.» — Elle

«O grande romance da descolonização que esperávamos ler. Sensual, fascinante e violento.» — Les Inrockuptibles

«Quem melhor do que Slimani para escrever um grande romance contemporâneo sobre (…) os horrores da colonização e as dores da descolonização?» - Vanity Fair

«Um retrato magnífico de uma mulher. Soberbo.» — Atlantico

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “O país dos outros”

O seu endereço de email não será publicado.

Relacionados