PORTES GRÁTIS PARA PORTUGAL CONTINENTAL

(em compras superiores a 15€)

PORTES GRÁTIS PARA PORTUGAL CONTINENTAL (em compras superiores a 15€)

  • 0 Items - 0,00
    • Carrinho vazio.

Shop

18,86

Preço fixo até 30/09/2024 (?)

Preço livre (?)

A obscena senhora D e outras histórias

Prosa escolhida de Hilda Hilst, uma das maiores escritoras de língua portuguesa, e que é também um ícone de liberdade e transgressão.

Uma obra provocadora e profundamente crua, muitas vezes tomada como imoral, que rompeu cânones literários e expandiu horizontes.

Em stock

Também disponível em EBOOK nas seguintes lojas:

pgn_btn_3
pgn_btn_5
pgn_btn_1b

Caraterísticas

Autor(a) Hilda Hilst

ISBN 9789897847189

Data de publicação Outubro de 2022

Edição atual 1.ª

Páginas 368

Apresentação capa mole

Dimensões 145x230x24mm

Género Ficção, Literatura

Partilhar

Cultivou uma escrita provocadora e muitas vezes considerada imoral e atentatória dos bons costumes; libertou a linguagem de espartilhos formais; misturou a ficção mais desabrida com a biografia confessional mais comovente e o lirismo sempre latente: resgatada da marginalidade nos anos recentes, Hilda Hilst tem arrebatado os leitores e a crítica. A sua voz hipnótica não deixa ninguém indiferente.

Neste livro – composto por histórias escritas ao longo de onze anos, várias das quais até agora inéditas em Portugal – somos iniciados nos temas de eleição de uma escritora inquietada e inquietante: o sexo, a insanidade, a relação com o pai, as escolhas da mulher numa sociedade castradora, o lugar da escritora num panorama impreparado para a receber.

 «Fico pensando em todos os motivos que levam de repente uma pessoa a escrever e penso que a raiz disso em mim está na vontade de ser amada, numa avidez pela vida. Quem sabe também se não é uma necessidade de viver o transitório com intensidade, uma força oculta que nos impele a descobrir o segredo das coisas. Uma necessidade imperiosa de ir ao âmago de nós mesmos, um estado passional diante da existência, uma compaixão pelos seres humanos, pelos animais, pelas plantas.» – Hilda Hilst

Inclui A obscena senhora D; Com os meus olhos de cão; Rútilo nada (Prémio Jabuti); e a chamada «trilogia obscena», composta por O caderno rosa de Lori Lamby, Contos d’escárnio e Cartas de um sedutor.

 

Os elogios da crítica:

«É na prosa de Hilda Hilst que a exploração do desconhecido ganha inusitada violência poética, sem paralelos na literatura brasileira. […] Aceitando o desafio de percorrer as dimensões mais diversas da língua, sua obra – a um só tempo humilde e corajosa – atende sem cessar ao apelo febril do último verso de suas Alcoólicas: ‘Estilhaça a tua própria medida.’» Eliane Robert Moraes

«Gosto de pensar no trabalho de Hilda Hilst como um instante sutil de apagamento das fronteiras entre os gêneros literários. […] E, como Catulo e Beckett, Hilst é uma escritora do riso angustiado. Pois é uma angst/angústia que perpassa toda a obra de Hilda Hilst, na qual a carnalidade e mortalidade humanas são reconhecidas, mas estão longe de serem aceitas.» Ricardo Domeneck, revista Modo de Usar & Co

«Há um caminho ainda não trilhado na leitura interpretativa de Hilda Hilst que precisa ser seguido: aquele aberto por uma voz feminina que, mobilizando o melhor da tradição lírica ibérica, busca no canto canônico formas de se impor em um domínio antes tão masculino.» —  Luisa Destri, Folha de S. Paulo

«O erotismo, na prosa de Hilda Hilst, conduz sobretudo a uma experiência de destruição e catástrofe que é indissociável da ideia de verdadeira criação.» — Alcir Pécora

«Hilda é um desses autores que reinventam a linguagem, invertendo-a, esgarçando o que parecia já de todo moldado.» — Carola Saavedra

«Um dos movimentos mais encantadores da escrita de Hilda: sua capacidade de desmistificar os mistérios. O desconhecido talvez nunca deixe de sê-lo, mas é imperativo interrogá-lo na nossa casa, nos nossos termos.» — Daniel Galera

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “A obscena senhora D e outras histórias”

O seu endereço de email não será publicado.

Relacionados