16,61 

História das relações internacionais contemporâneas

Entre 1808 e 2000, Portugal e o mundo sofreram alterações políticas, económicas e sociais profundíssimas, que forçaram necessariamente mudanças nas relações internacionais entre países.

Neste livro, dá-se conta desses importantes ciclos de mudança e das novas alianças forjadas no seu rescaldo.

332 em stock

Características

Chancela Objectiva

ISBN 9789897847974
Data de publicação Abril de 2023
Edição atual 1.ª
Páginas 272
Dimensões 150x230mm

Coleção Objectiva

Idade recomendada Adultos
Partilhar:
Descrição

Plano Nacional de Leitura

Cultura e Sociedade – Maiores de 18 anos

Portugal não ficou à margem dos grandes ciclos de mudança internacional na época contemporânea, como os das revoluções liberais e das duas grandes guerras mundiais, que se cruzaram com transformações económicas e políticas profundas, ou como o das descolonizações do século XX, indissociável das guerras coloniais sustentadas para tentar impedir a independência dos territórios africanos. Todos esses foram momentos de tensão nas relações internacionais portuguesas.

Entre rutura e continuidade, as relações de Portugal com o mundo nos últimos duzentos anos marcaram sucessivas conjunturas nacionais. A preocupação com os destinos dos territórios coloniais e com a própria independência face a Espanha, bem como a quase contínua exportação de mão-de-obra para outros países, foram temas recorrentes das conexões internacionais portuguesas. Mas também nelas ocupou, quase sempre, um lugar relevante a inserção económica e política em alianças mais amplas.

Combinar uma informação sustentada sobre o passado com as renovadas interrogações que o presente necessariamente convoca foi a intenção das persas contribuições para este volume sobre Portugal e o Mundo na Época Contemporânea, da autoria de reconhecidos académicos e coordenado por António Costa Pinto e Nuno Gonçalo Monteiro.

Com a colaboração de Jorge M. Pedreira, Miguel Bandeira Jerónimo, Nuno Severiano Teixeira e Pedro Aires Oliveira

Da introdução:

«Continuidade ou mudança? As relações de Portugal, como entidade política, e dos portugueses com o mundo nos últimos duzentos anos foram marcadas pela permanência de algumas vertentes fundamentais, ou, ao invés, sofreram mutações significativas? No plano político e diplomático, a persistência no tempo de dimensões essenciais cuja génese foi muito anterior, como o temor da absorção pelo vizinho ibérico, como a aliança Inglesa e seus sucedâneos político-militares ou como as preocupações com territórios coloniais e pós-coloniais extraeuropeus, parece inclinar a balança para a primeira possibilidade. E, mesmo se alargarmos o inquérito a outros planos, nos quais a emigração tem necessariamente de ocupar um lugar destacado, esse sentido parece ainda prevalecer.»

António Costa Pinto e Nuno Gonçalo Monteiro

Do mesmo autor

15,75 

Em busca da democracia – 1960-2000

16,61 

História económica contemporânea

15,75 

História política contemporânea: Portugal 1808-2000

15,75 

Olhando para dentro – 1930-1960

15,75 

História Social Contemporânea: 1808-2000

15,75 

História contemporânea de Portugal: 1808-2010

Outras sugestões

20,25 

Panama Papers

22,46 

Nada Mais do que a Verdade

13,95 

Portugal, que futuro?

15,75 

História política contemporânea: Portugal 1808-2000

13,95 

POLÍTICA

13,99 

Dar a Volta: a Felicidade Profissional Tem uma Fórmula

Artigos relacionados com o autor
Nenhum resultado encontrado.