14,94 

O livro dos homens sem luz

Nova edição do romance de estreia de um dos mais entusiasmantes escritores portugueses da actualidade.

Uma história de solidão e mistério ambientada em Londres.

1241 em stock

Também disponível em EBOOK:

Características

Autor(a) João Tordo

ISBN 9789897842092
Data de publicação Janeiro de 2022
Edição atual 2.ª
Páginas 232
Apresentação capa mole
Dimensões 145x230mm
Idade recomendada Adultos
Partilhar:
Descrição

O cenário é uma Londres vibrante, cidade de todas as possibilidades, e onde é, contudo, fácil afundarmo-nos na solidão, no descaminho, no escuro. Aí se entretecem histórias enigmáticas, a espaços claustrofóbicas, de gente cheia de segredos: um desconhecido com quem o protagonista mantém conversas telefónicas; um casal que fica soterrado numa casa destruída durante o blitz; um estudante que sofre de insónias e mergulha num mundo bizarro, sentindo-se ameaçado pelo vizinho do quarto contíguo; um médico que constrói uma máquina de tortura.

O livro dos homens sem luz revisita os clássicos da literatura de mistério e evidencia ecos de Franz Kafka, Paul Auster ou Edgar Allan Poe, com personagens densas, enredos intrincados e desenlaces inesperados. Neste que foi o seu romance de estreia, João Tordo revelava já o fulgor e a solidez que haveriam de o confirmar como um dos mais relevantes escritores do presente.

Os elogios da crítica:

«João Tordo tem uma capacidade enorme de efabulação, que não se encontra facilmente.»
José Saramago

«O romance de estreia de João Tordo parece um livro de mistério, mas é um enunciado pungente sobre a solidão humana.»

Andréia Azevedo Soares, Público (sobre O livro dos homens sem luz)

«Conseguindo tecer, com destreza e imaginação, uma trama que não se esgota no exercício literário, O livro dos homens sem luz […] é uma excelente surpresa.»
Ana Cristina Leonardo, Expresso (sobre O livro dos homens sem luz)

«Um romance surpreendente e arrebatador. […] Em nenhum momento o autor perde o domínio da prosa, a precisão das palavras, a parcimónia dos adjectivos, o rigor da descrição, a invenção surpreendente de situações no limite do verosímil e do suportável […]. Este livro faz-nos bem.»

António-Pedro Vasconcelos, Jornal de Letras (sobre O livro dos homens sem luz)

«Um romance que se abre em escuridão e labareda, para que nos vejamos ao espelho.»

José Tolentino Mendonça (sobre O luto de Elias Gro)

«Uma escrita vibrante, capaz de momentos de grande intensidade expressiva ou de inesperado lirismo.»

José Mário Silva, Expresso (sobre O luto de Elias Gro)

«João Tordo cria dois palcos contíguos, que equilibra entre o atrevimento cruel que o realismo comanda e o clima introspectivo que dele resulta, conjugados com particular desenvoltura e absoluta eficácia.»

Lídia Jorge (sobre O deslumbre de Cecilia Fluss)

«Um romance poderoso, inquietante e profundamente lírico.»

Helena Vasconcelos, Público (sobre Ensina-me a voar sobre os telhados)

Do mesmo autor

15,71 

O ano sabático

15,71 

Naufrágio

20,66 

A noite em que o verão acabou

12,56 

Águas passadas (Livro de Bolso)

15,71 

Anatomia dos mártires

14,99 

O paraíso segundo Lars D. (Trilogia dos Lugares Sem Nome 2)

17,50 

As três vidas

12,55 

Ensina-me a voar sobre os telhados (Livro de Bolso)

12,91 

A noite em que o verão acabou

11,66 

O luto de Elias Gro (Livro de Bolso) (Trilogia dos Lugares Sem Nome 1)

Outras sugestões

13,91 

Leme

11,42 

A Missão seguido de O Senhor dos Navegantes

14,36 

Biblioteca de Brasov (Enciclopédia da Estória Universal 6)

14,38 

A Aventura de um Fotógrafo em La Plata

16,61 

A Confissão de um Filho do Século

14,93 

Obrigada pelo Lume

Artigos relacionados com o autor